Crônicas · Língua Presa · Música

Airbag

É engraçado como nossa mente nos prega peças a todo instante e como é fácil cair em suas armadilhas.

Penso bastante em acidentes de carro, ainda mais quando estou dentro de um. Quando algum conhecido vai viajar, seja pelo ar ou estrada, imagino o veículo desfigurado, em colisão, despedaçado. É automático, não faço de propósito. Pode ser que o nome disso seja trauma, já que foi assim que perdi minha mãe.

Dia desses fui buscar minha tia fora da cidade com sua caminhonete, dessas de câmbio automático e que uma leve pisada no acelerador a faz quase voar. Assim que entrei no carro, imagens de acidente tomaram conta da minha cabeça. Cenas em que eu batia atrás de caminhões, de frente, atropelava cães, só tragédia. Aos poucos fui me adaptando àquele carro que não costumo dirigir, até que o domei. Peguei o jeito, senti confiança no volante e fui embora na maior adrenalina, acelerando sem medo, ultrapassando os caminhões (com prudência, óbvio), até chegar no destino.

Outra pessoa que também tem fixação por acidentes é o Thom Yorke. No catálogo do Radiohead, de bate pronto, lembro de duas músicas que falam sobre isso, “Airbag” e “Killer Cars”.

Isso me lembrou um texto que escrevi há alguns anos, chamado Gravidade, onde falei sobre a experiência de encarar o medo em um parque de diversões.

Encarar a si mesmo e superar. Ser um pouco melhor do que era há poucos segundos atrás. Não há sensação igual.

Direto do Forno · Música

Radiohead – Follow Me Around

“Follow Me Around” é a segunda música disponível da tão esperada coleção KID A MNESIA, do Radiohead, que sai do forno nessa semana. Ela foi lançada de forma oficial hoje.

Saíram duas versões: a de estúdio, acompanhada de um vídeo hilário estrelado por Guy Pearce, e outra ao vivo, durante a passagem de som de uma apresentação da banda no Japão, em 1998.

A música é inteira voz e violão e parece que a voz de Thom Yorke sai direto do céu, de tão bonita.

Garimpo · Língua Presa · Música

Radiohead – The National Anthem (Ao Vivo no Saturday Night Live, 2000)

Escrevi há poucos dias sobre o lançamento do KID A MNESIA, material que o Radiohead está preparando para comemorar as duas décadas do Kid A e do Amnesiac.

De forma mais precisa, hoje faz exatos vinte anos e um que o Kid A saiu do forno, e para presentear os fãs, saiu no canal do Saturday Night Live uma apresentação matadora da banda tocando “The National Anthem”, uma das melhores e mais enérgicas músicas do disco.

Se você acha a dancinha de Thom Yorke em “Lotus Flower” um tanto quanto estranha, veja essa apresentação. Thom está insano, totalmente tomado pela música, enquanto Ed O’Brien e Jonny Greenwood criam os efeitos mais hipnóticos possíveis, Colin Greenwood mantém a postura no andamento da canção e Phil Selway, o metrônomo ambulante, acompanha.

Direto do Forno · Música

Kid A Mnesia

Para comemorar as duas décadas de Kid A (2000) e Amnesiac (2001), o Radiohead vai juntar ambos em um projeto só, intitulado KID A MNESIA, previsto para sair em cinco de novembro desse ano.

Ao que parece, será um compilado de material inédito, canções já conhecidas e sobras de estúdio. Para o anúncio desse belo pacote, a banda soltou “If You Say The Word” para audição.

O que mais chama atenção é o seguinte: os caras são tão acima da média, que uma música como “If You Say The Word” é tratada como “sobra de estúdio”, ou “não boa o suficiente para entrar no disco”. E a música é maravilhosa!

Garimpo · Música

Garimpo: Thom Yorke Ao Vivo na BBC Radio 6

Uma das minhas tarefas mais árduas (mentalmente falando) que tenho enfrentado é o combate ao postergamento/procrastinação de atividades. Portanto, quero deixar bem claro que o texto sobre a trilha sonora que Thom York criou para “Suspiria” está sendo adiado por um motivo simples: o filme ainda é inédito no Brasil.

Confesso que estou ansioso para escrever minhas percepções em relação ao disco, mas julgo não fazer sentido tal texto sem ter visto a película de Luca Guadagnino, um remake de um clássico do terror lançado originalmente em 1977 por Dario Argento. Assisti ontem a obra original e fiquei estupefato. Por ora, também não darei ênfase para ela, mas adianto: é um filme brilhante.

A fim de, ao menos, dar um esclarecimento ao leitor de que o texto sairá SIM e em breve, e uma acalmada em mim mesmo, trago esse aperitivo: uma apresentação de Thom na inglesa BBC Radio 6, uma das estações digitais de rádio da BBC. Para mim, como um grande fã do cara, é difícil explicar a apresentação sem alguns exageros, mas se tem uma palavra para defini-la seria emocionante.

Do cenário penumbroso ao semblante melancólico característico de Thom Yorke, toda a áurea das apresentações colaboram para a boa experiência do ouvinte/espectador. Ouvi-las no disco nos transmite suspense e sufocação. Ao vivo, é completamente o inverso.

Direto do Forno · Música

Thom Yorke – Unmade

Thom Yorke e um piano é a perfeita combinação para um momento de total relaxamento e reflexão sobre a vida.

Assim é “Unmade”, faixa que acaba de sair do forno de seu tão falado (principalmente por aqui, nota-se) novo trabalho, o primeiro à frente da trilha sonora de um filme.

A cada novidade, percebe-se que a trilha de “Suspiria” vai muito além do que um simples acompanhamento do filme, mas, sim, um disco solo, autoral e poético, altamente comovente, como tudo que esse rapaz fez em sua carreira.

“Unmade” é um ponto ainda maior em sua trajetória. Se as anteriores causavam apreensão no ouvinte, essa os leva ao equilíbrio.

Direto do Forno · Música

Thom Yorke – Hands Off the Antarctic (Greenpeace)

É, parece que o velho Thom está gostando desse lance de criar trilhas sonoras. Não bastasse estar ocupado o suficiente produzindo a trilha de “Suspiria” (ao que tudo indica, será brilhante), o líder do Radiohead lançou uma faixa especial em parceria com o Greenpeace, em apoio à proteção da região da Antártida.

O  vídeo por si só já seria belíssimo, com imagens em preto e branco e em alta definição de geleiras, céus nublados, aves e animais marinhos e o oceano, com toda a sua exuberância.

Claro que saber que Thom Yorke é o idealizador por trás da canção ajuda a divulgá-la e eleva-a a um patamar ainda maior, mas por ser instrumental, tenho certeza que não causaria tanto impacto caso fosse criada por um artista de menor expressão. Mesmo assim, é uma música magnífica, com batidas eletrônicas pulsantes e sons etéreos que aumentam ainda mais a beleza do vídeo.

Mais um ponto positivo pro cara.

Direto do Forno · Música

Thom Yorke – Open Again

Toda a maestria que Thom Yorke está colocando nesse novo projeto me traz um único questionamento: será que “Suspiria” será um filme à altura de sua trilha sonora?

Fantasmagoricamente bela, “Open Again”, a quarta canção liberada, traz o artista cantando versos curtos e poéticos, enquanto os instrumentos e ondas sonoras fazem seu trabalho ao fundo.

O álbum completo sai daqui uma semana, pela XL Recordings. O filme chega aos cinemas na mesma data.

Direto do Forno · Música

Thom Yorke – Volk

É, teremos Thom Yorke duas vezes na mesma página sim, porque já saiu mais uma música da trilha sonora de “Suspiria”, novo filme de Luca Guadagnino.

“Volk” é inteiramente instrumental e é a mais assustadora até agora. Trilha típica de cenas agonizantes e que garantem boas doses de suspense e sustos nos espectadores.

O frontman do Radiohead está se saindo bem em sua nova função.

Direto do Forno · Música

Thom Yorke – Has Ended

“Has Ended” é a segunda faixa liberada por Thom Yorke e que fará parte da trilha sonora de “Suspiria”, novo filme de Luca Guadagnino, que já falei aqui.

Ao contrário da anterior, “Has Ended” possui um aspecto mais eletrônico e que provoca certo suspense no ouvinte, enquanto o vídeo consiste em imagens e formas geométricas em movimento se desfazendo, dando uma estranheza e aumentando ainda mais o mistério que ronda não só a trilha sonora, mas o filme em si.